Minha primeira Tatto

Quando eu era pequena e minha mãe Marcia Rodrigues me levava nas aulas de catecismo junto com a minha irmã Daiana Azevedo de Paulo, nos sempre cantávamos uma música que na qual eu amava. Ela começava assim:
Fraternidade – palavra tão bonita
Fraternidade é mudar o coração
Fraternidade que mundo necessita!
Fraternidade é ser irmão do seu irmão!

Tudo e todos pela vida!
Sem mais gente excluída
Do banquete que nos dá Jesus,
Caminho e Verdade, Vida e Luz!
Só nesta pequena canção conseguimos notar seu significado tão importante, que é um laço de sangue ou de coração que a fraternidade começa. É uma irmandade, uma união, um afeto, um laço de carinho e de amor. O conceito da palavra é ligado à igualdade e à liberdade. Muito conhecido no lema da Revolução Francesa.
Quando escolhi minha primeira tatoo logo pensei que esta seria uma palavra perfeita, pois, sempre gostei dela e fiz junção da palavra liberdade para que ficasse com aquele toque especial. Sempre gostei de ser livre, não me encaixo bem em lugares ou com pessoas que tentam me prender. Nasci para ser livre de diversas maneira , Nasci para ser eu...não consigo me ver de outra forma... Sou dificil às vezes como todo mundo é. Porém tenho um coração imenso. . Não nasci para ser trancafiada numa jaula... Aprendi à ser forte e lutar pelos meus ideais, por minha família e por todos que amo. 
Pela minha força às vezes ouço de pessoas que poucos gostam de mim,porém, sei que não é bem assim.... São pessoas que não tem a vontade que tenho, que ainda não aprenderam a viver só. Pessoas que não sabe se amar sem que alguém lhe diga .. Ou simplesmente nunca estão satisfeitos consigo mesmo e tentam enfraquecer os fortes para se sentir melhor... Pessoas que vivem presas e aí tentam se sentir melhor humilhando e menosprezando aqueles que estão livre.

Agora digo nossaaaaaa para mim pq sou incrível #ego #ninguemmeabala 

Sou Daniele de Azevedo, Nasci para ser livre , ser forte e para amar.
"Sim, minha força está na solidão. Não tenho medo nem de chuvas tempestivas nem das grandes ventanias soltas, pois eu também sou o escuro da noite."

Clarice Lispector
“Liberdade, igualdade e fraternidade são palavras pelas quais vale a pena lutar e morrer.”
Mário Pereira Gomes


Um comentário:

NIKA AZEVEDO
LAYOUT POR LUSA AGÊNCIA DIGITAL